Nova tecnologia pode ajudar as cidades tornarem-se sustentáveis enquanto economiza bilhões de dólares

O software open source (código aberto) gratuito, desenvolvido pelo Stanford Natural Capital Project, cria mapas para visualizar as ligações entre a natureza e o bem-estar humano. Os planejadores e desenvolvedores de cidades podem usar o software para visualizar onde os investimentos na natureza, como parques e pântanos, podem maximizar os benefícios para as pessoas, como proteção contra enchentes e melhoria da saúde.

“A natureza urbana é um benfeitor multitarefa – as árvores em sua rua podem reduzir as temperaturas para que seu apartamento fique mais fresco nos dias quentes de verão. Ao mesmo tempo, elas absorvem as emissões de carbono que causam as mudanças climáticas, criando um lugar livre e acessível para se manter saudável através da atividade física e apenas tornar a sua cidade um lugar mais agradável para se estar.” afirma Anne Guerry, Diretora de Estratégia e Cientista Líder do Natural Capital Project.

O software, denominado Urban InVEST, é o primeiro do gênero para cidades e permite a combinação de dados ambientais, como padrões de temperatura, com dados sociodemográficos e econômicos, como níveis de renda. Os usuários podem inserir os conjuntos de dados de suas cidades no software ou acessar uma diversidade de fontes de dados globais abertos, de satélites da NASA a estações meteorológicas locais.

O novo software se junta ao conjunto de software InVEST existente do Natural Capital Project, um conjunto de ferramentas projetado para especialistas mapearem e modelarem os benefícios que a natureza oferece às pessoas. A natureza é frequentemente distribuída de maneira desigual pelas cidades – colocando as pessoas de baixa renda em desvantagem.

Os dados mostram que comunidades de baixa renda e marginalizadas costumam ter menos acesso à natureza nas cidades, o que significa que são incapazes de colher os benefícios, como melhoria da saúde física e mental, que a natureza oferece às populações mais ricas.

Fonte: Brighter

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.

Mais lidas

Artigos Relacionados

Menu